Alargamento da zona de exploração do lítio na mina de Alvarrões ficará a 1 km de Gonçalo e da Vela e do Seixo Amarelo

A Mina de Alvarrões, no concelho da Guarda, é uma das 9 áreas identificadas em todo o país com potencial para a exploração do minério, quase todos no interior norte: Serra de Arga, Barroso-Alvão, Siexoso-Vieiros, Almendra, Barca de Alva – Escalhão, Massagueira, Guarda, Argemela e Segura. O governo quer lançar um concurso público para exploração daquele recurso, mas decidiu retirar da lista a zona de Barroso/Alvão, onde estão os projectos de Boticas e Montalegre, e a Argemela, por já terem já concessões atribuídas e estarem em fase de avaliação de impacte ambiental.
De acordo com um documento disponível na Agência Portuguesa do Ambiente (APA), a área de exploração de lítio na Mina de Alvarrões, entre Gonçalo e a Vela, no concelho da Guarda, vai ser aumentada, passando de 4,9 ha para 113,6 ha. O complexo ficará a mil metros das povoações de Gonçalo, do Seixo Amarelo e da Vela. Mais detalhes na edição desta semana do Jornal Terras da Beira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close