Incendiário detido em Manteigas

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, com a colaboração da GNR, identificou e deteve o presumível autor de um crime de incêndio florestal.

Os factos, informa aquela força policial em comunicado, ocorreram cerca das 14h45 desta Quinta-feira na localidade de Manteigas, recaindo sobre o detido «a suspeita de ter ateado um incêndio em pasto, com recurso a um isqueiro que lhe foi apreendido».

O incêndio, «graças ao célere e eficaz combate levado a cabo por populares e pelos bombeiros locais, consumiu uma pequena área de terreno com pasto, mato e árvores, tendo, no entanto, colocado em perigo habitações, instalações industriais, um depósito de combustível e uma vasta área de floresta integrante do parque natural da serra da estrela».

O detido, «pintor da construção civil, com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime, vai ser presente às autoridades judiciárias competentes com vista à aplicação das necessárias e adequadas medidas de coação».

No corrente ano, revela o comunicado, a Polícia Judiciária já identificou e deteve «54 pessoas» pela autoria do crime de incêndio florestal.

Comentar

. logged in para comentar.

Artigos relacionados

SiteLock

Voltar para o topo

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close