Vacinação dos professores e funcionários do pré-escolar e 1º ciclo começou hoje

Está a decorrer este fim-de-semana a vacinação da comunidade escolar, professores, educadores e auxiliares. Ao que o TB sabe, na área abrangida pela Unidade Local de Saúde da Guarda deverão ser vacinados 971 docentes e não docentes. A vacinação está a ser feita por 92 profissionais de saúde.

A vacinação dos profissionais do pré-escolar e 1.º ciclo deveria ter arrancado no passado fim-de-semana, mas a suspensão temporária da administração da vacina da AstraZeneca ditou o adiamento do processo.

A nível nacional, a vacinação dos professores e trabalhadores não docentes do pré-escolar e 1.º ciclo contra a covid-19 vai envolver quase 80 mil profissionais da educação. Na Quarta-feira, os docentes e não-docentes começaram a receber a convocatória, através de SMS, para receberem a primeira dose da vacina AstraZeneca, e tiveram um dia para responder se pretendem ou não ser vacinados. Caso não o tenham feito ou recusem esta vacina, perdem a prioridade na vacinação.

Por outro lado, o Ministério da Educação assegurou que não perderiam o lugar se, por qualquer motivo, não tiverem sido contactados, aconselhando-os a avisar a direcção do respectivo estabelecimento de ensino, para que a escola envie a informação à direção de serviços regional, «a fim de ser elaborada uma lista e enquadrada(s) a(s) situação(ões) numa futura fase de vacinação».

O processo de vacinação vai decorrer de três formas: nos concelhos onde o grupo de profissionais a vacinar seja inferior a 250 pessoas, será nos centros de saúde, naqueles em que se prevê a vacinação entre 250 e 500 pessoas, o processo será realizado nas escolas e nos locais com mais de 500 pessoas, a escolha recaiu nos Centros de Vacinação Covid.

Depois desta primeira fase, o processo de vacinação dos profissionais da educação vai continuar a decorrer de forma progressiva durante o mês de Abril, acompanhando o processo de desconfinamento.

De acordo com o planeamento da “task-force” que coordena a vacinação em Portugal, os profissionais dos 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e do ensino secundário começam a ser vacinados no fim de semana de 10 e 11 de Abril, podendo o processo ser prolongado por mais fins de semana caso haja necessidade. No total, a “task force” prevê vacinar cerca de 280 mil professores e pessoal não docente desde creches até ao ensino secundário. A 10 de Março, a Direcção-Geral da Saúde incluiu nos grupos prioritários da fase 1 para a vacina contra a covid-19 os professores e o pessoal não docente, do sector público e privado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close