Vila Cortez do Mondego no grupo de clubes em risco de descida que querem impugnar o Campeonato de Portugal

Um grupo de 25 clubes em risco de descida no Campeonato de Portugal, entre os quais o de Vila Cortez do Mondego (concelho da Guarda), informou Sexta-feira que pretende impugnar a prova, por considerar que o terceiro escalão nacional é uma «mentira» e que será «assaltado pela super distrital».

Na nota divulgada, os clubes em causa, representados pelos respectivos presidentes (Lúcio Gonçalves no caso do CCDR de Vila Cortez do Mondego), dão conta que «vão em conjunto encetar um conjunto de medidas de luta para defender os interesses dos seus clubes e a reposição da verdade desportiva», na busca de «evitar a homologação das respectivas classificações da forma actualmente prevista pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF)».

O grupo dos “aflitos” da prova acusa o organismo de «criar um fosso de injustiça, que encobre de forma grave a verdade desportiva e a integridade da competição», depois de ver o regulamento alterado.

Quanto à subida de outros clubes ao Campeonato de Portugal, o comunicado refere que a “maior parte das competições distritais não se disputou, tendo mesmo algumas sido interrompidas em Janeiro», devido à pandemia de covid-19, pelo que possa existir «uma nomeação ou sorteio de subidas sem terem 50% do campeonato distrital realizado, e sem provocar descidas nos mesmos, pervertendo a verdade e a justiça desportiva e financeira entre o Campeonato de Portugal e o Distrital».

Por fim, o grupo frisa que vai «interpelar» a FPF, deixando a garantia de que «não está disponível para aceitar aquelas alterações regulamentares», assim como as «consequências graves que as mesmas causarão aos clubes».

Depois de divulgado o comunicado, a Belenenses SAD veio demarcar-se, assegurando que «não assinou nem fez parte deste debate». «Iremos agir contra quem abusivamente usou a nossa entidade neste comunicado», revela o clube numa nota enviada à agência Lusa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close