Cabeça, no concelho de Seia, volta a ser “Aldeia Natal” com decorações naturais e sem Pai Natal

A aldeia de Cabeça, na Serra da Estrela, no concelho de Seia, volta a transformar-se em “Aldeia Natal” pelo sétimo ano consecutivo e dispensa o Pai Natal. Até ao dia 1 de Janeiro, aquela povoação «volta a ser a aldeia de Natal mais típica e ecológica do país», onde o Natal «é tão genuíno e puro como o ar que se respira na Serra da Estrela», segundo a Associação de Desenvolvimento Integrado da Rede Aldeias de Montanha (ADIRAM).
A fonte refere em comunicado que «há muito que os habitantes de Cabeça trabalham na mais peculiar e sustentável aldeia de Natal». «Tudo é feito com as mãos sábias dos cerca de 170 moradores desta Aldeia de Montanha e com materiais da Natureza, como as giestas, as videiras, os pinheiros, folhas de fetos, lã das ovelhas bordaleiras, canas de milho e ainda outros materiais reciclados e que resultam das limpezas cirúrgicas das florestas do Parque Natural da Serra da Estrela e terrenos vizinhos», lê-se na nota.
De acordo com a organização, «todo o trabalho é feito pela comunidade, com o empenho de todas as colectividades da aldeia, da ADIRAM e do município de Seia». A nota acrescenta que na aldeia de Cabeça «o cenário é único» e quem visita a povoação nesta altura do ano «pode vivenciar o verdadeiro Natal das gentes mais genuínas da montanha».
Durante o evento natalício, «as portas de casa dos habitantes estão abertas, o pequeno comércio tradicional, as tasquinhas e as ruas são espaços em que a comunidade se funde com os visitantes». Segundo a fonte, haverá várias actividades paralelas na “Aldeia Natal”, como “workshops” e oficinas de Natal (“Sabores de Natal”, “Cozinha de Natal do Mundo”, “Cozinha do Bosque” e enfeites natalícios), uma mostra do cobertor de papa (ainda usado pelos pastores da Serra da Estrela como agasalho), oficinas de cosmética natural, de cestaria tradicional e de feltragem.
O programa inclui ainda, entre outras propostas, a realização do 3.º Trail Aldeia Natal, um evento desportivo organizado pelo Conselho Directivo dos Baldios de Cabeça.
Como a organização espera uma grande afluência de público, para evitar a acumulação de lixo nos contentores, os visitantes serão incentivados a levarem os desperdícios para depósitos em ecopontos urbanos. «Da mesma forma, os visitantes são incentivados a partilharem os automóveis e assim evitarem congestionar a aldeia», remata a organização.
A iniciativa “Aldeia Natal” integra o Plano de Animação da Rede de Aldeias de Montanha, integrado na EEC PROVERE iNature, co-financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do CENTRO 2020 – Programa Operacional Regional do Centro.
Arquivo TB

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close