Câmara da Guarda atribui uma medalha de honra e treze de mérito no Dia da Cidade

O presidente da Câmara Municipal da Guarda, Álvaro Amaro, anunciou hoje que no Dia da Cidade o município vai atribuir medalhas de honra e de mérito a 14 personalidades e instituições ligadas ao concelho.
A proposta de atribuição de condecorações de reconhecimento público, aprovada por unanimidade na reunião de hoje do executivo municipal da Guarda liderado por Álvaro Amaro (PSD-CDS/PP), também inclui a atribuição da medalha de excelência e dedicação do município a 25 funcionários autárquicos.
Segundo Álvaro Amaro, a autarquia atribui a medalha de honra do município grau ouro ao cientista Fernando Carvalho Rodrigues, ao abrigo do Regulamento Municipal de Condecorações, que prevê que se distingam pessoas “pelos seus serviços de muito excepcional relevância”. Com a distinção, o cientista, natural da freguesia de Casal de Cinza, naquele concelho, que actualmente desempenha as funções de presidente da Assembleia Municipal da Guarda, passa a ter o título de “Cidadão Honorário da Guarda”.
A autarquia vai ainda galardoar com a medalha de mérito municipal grau prata 13 personalidades e instituições “merecedoras de enaltecimento e especial reconhecimento”. As distinções serão entregues a Fernando Nelas Pereira (artesão cesteiro), Manuel Luís dos Santos (historiador), José Neves (actor), Virgílio Ferro Bento (investigador), Luís Figueiredo (investigador), Orlindo Cabeças (comandante dos Bombeiros Voluntários de Gonçalo), Maria de Lurdes Rocha Vieira (fundadora da Delegação da Associação Portuguesa de Deficientes), Manuel Pereira de Matos (vigário geral da Diocese da Guarda) e, a título póstumo, Sérgio Rocha (bombeiro falecido num incêndio florestal em Julho de 2006).
Serão também agraciadas quatro instituições: Conservatório de Música de São José da Guarda, Centro de Assistência Social da Guarda, Escola Profissional da Guarda e Centro Cultural “Os Serranos” (com sede nos Estados Unidos da América, que tem promovido e divulgado as potencialidades e tradições da Serra da Estrela).
A cerimónia de atribuição das condecorações municipais vai decorrer pelas 10:45 do dia 27, na sessão solene comemorativa do 817.º aniversário da cidade, a realizar na Sala António de Almeida Santos, no edifício da Câmara Municipal da Guarda.
Naquele dia, a autarquia da Guarda assinala a atribuição, a 27 de novembro de 1199, pelo Rei Dom Sancho I, da Carta de Foral, documento que marcou o nascimento da cidade mais alta do país.
O autarca da Guarda disse ainda aos jornalistas, no final da reunião de hoje do executivo, que o Tribunal de Contas atribuiu o visto à realização de um empréstimo, no valor de 19 milhões de euros, para substituição do empréstimo do Programa de Apoio à Economia Local (PAEL) e de um outro relacionado com saneamento financeiro. “Nesta operação, o município da Guarda poupa, em dez anos, mais de 1,5 milhões de euros”, referiu Álvaro Amaro.

Comentar

. logged in para comentar.

Artigos relacionados

SiteLock

Voltar para o topo

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close