Câmara da Guarda pode vir a comprar sede da insolvente Associação Comercial

A sede da insolvente Associação Comercial da Guarda (ACG) poderá vir a ser adquirida pelo Município da Guarda. Isto mesmo admitiu hoje o presidente da autarquia, adiantando que a Câmara aguarda pelo desenrolar do processo. «Claro que o município, neste e noutros casos, será sempre interessado, mas não é por qualquer preço», disse o autarca na reunião de hoje da Assembleia Municipal (AM) da Guarda, realizada no grande auditório do Teatro Municipal, onde o deputado do CDS-PP Henrique Monteiro apresentou uma proposta de aquisição, pela autarquia, do edifício sede da insolvente ACG.

Carlos Chaves Monteiro referiu que teve recentemente uma reunião com a empresa liquidatária dos bens da ACG e que os mesmos serão vendidos em hasta pública pelo valor base de 412.799 euros.

«Nós [Câmara Municipal] temos interesse. Queremos, efectivamente, usar duas prerrogativas que a lei também nos dá, mas não é sob qualquer circunstância que nós mantemos esse interesse. Vamos ver como as coisas vão correr. Nós estamos atentos a esse processo», prometeu o autarca.

A AM da Guarda, presidida por Cidália Valbom (PSD), aprovou hoje, por maioria, com 68 votos a favor e uma abstenção, uma proposta do CDS-PP a autorizar a Câmara Municipal «a participar na hasta pública ou noutra qualquer modalidade de venda da sede da insolvente» da ACG, «adquirindo-a e passando o edifício para o património público do município». Segundo o documento, o imóvel, situado próximo da Sé Catedral, «não tendo uma traça arquitectónica muito relevante», encontra-se «dotado de um conjunto de valências físicas que podem fazer dele um local excelente para instalação de um centro incubador de empresas». (Foto: Jornal Terras da Beira)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close