Câmara de Manteigas aprova orçamento de sete milhões de euros para 2020

SONY DSC

A Câmara de Manteigas aprovou a proposta de orçamento municipal para 2020, no valor de sete milhões de euros, que contempla verbas para o estudo de uma ligação mecânica para as Penhas Douradas. O orçamento foi aprovado pela Câmara Municipal, por maioria, com dois votos do PS, a abstenção de um vereador do PSD e da vereadora do movimento independente Unir e Mudar Manteigas, e o voto contra do segundo vereador social-democrata.
Segundo o autarca de Manteigas, Esmeraldo Carvalhinho (PS), o orçamento para 2020 aumentou cerca de um milhão de euros relativamente ao de 2019. «É um orçamento irrisório para um território com as necessidades que tem o município de Manteigas», disse o autarca à agência Lusa, explicando que o concelho não tem receitas próprias e depende das transferências do Estado e das candidaturas aos fundos comunitários. Ainda assim, considera tratar-se de um orçamento «bem pensado», por apresentar projectos novos e «arrojados» e também «algumas propostas que vêm de mandatos anteriores».
As propostas incluídas no orçamento para 2020 visam «uma maior atractividade turística» e dar «maior qualidade de vida» aos cidadãos do concelho. No próximo ano, o executivo liderado por Esmeraldo Carvalhinho pretende continuar a «valorizar o património e a promover o território» com projectos de recuperação de espaços públicos e urbanos e com a aposta em projectos ambiciosos, como é a ligação por via mecânica entre Manteigas e as Penhas Douradas. «É um projecto ambicioso, que requer um investimento muito grande, mas estamos já a preparar os estudos de viabilidade técnica e económica. É a ligação por via mecânica, seja por teleférico ou outro [meio], que aproxime Manteigas das Penhas Douradas», explicou. O município destina uma verba de dez mil euros para «estudos de viabilidade técnica e financeira« do projecto.
Segundo Esmeraldo Carvalhinho, será ainda lançado este ano, com eficácia financeira no próximo, o concurso público para concessão da licença de exploração de uma unidade de engarrafamento de água. No próximo ano, o autarca prevê também finalizar o Centro de Energia Viva de Montanha, que pretende que evolua para Centro de Ciência Viva. Ainda de acordo com o socialista, o orçamento e o plano de actividades do município de Manteigas para 2020 foi elaborado «com as opiniões dos outros quadrantes políticos» que integram o executivo autárquico. Os documentos vão ser discutidos na próxima reunião da Assembleia Municipal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close