Câmara de Seia decreta três dias de luto pelo falecimento de António Almeida Santos

O Presidente da Câmara Municipal de Seia, Filipe Camelo, decretou hoje três dias de Luto Municipal, pelo falecimento de António de Almeida Santos, natural de Cabeça, concelho de Seia.
Filipe Camelo determinou que as bandeiras dos edifícios municipais fossem colocadas a meia haste em memória e reconhecimento a António de Almeida Santos, “uma personalidade de elevado nível intelectual e profissional, colaborando ativamente, sempre que solicitado, em matérias relacionadas com o desenvolvimento do concelho de Seia”, como se pode ler no despacho rubricado pelo autarca.

Natural de Cabeça, freguesia de Seia, onde nasceu a 15 de fevereiro de 1926, António Almeida Santos morreu esta segunda-feira em sua casa, em Oeiras, com 89 anos. Dedicou grande parte da sua vida à causa pública, sendo detentor de um vasto percurso profissional, de participação cívica e política.

Comentar

. logged in para comentar.

Artigos relacionados

SiteLock

Voltar para o topo

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close