Casa da Prisca (Trancoso) vence um dos prémios ‘Intermarché Produção Nacional’

Os vencedores do prémio ‘Intermarché Produção Nacional’ foram ontem conhecidos, numa cerimónia que decorreu na Faculdade de Medicina Veterinária, em Lisboa. Na categoria “Ideias com Potencial” foi distinguida a Prisca (leitão assado), de Trancoso; em “Inovação’ a vencedora foi a Montiqueijo (queijo fresco em barra); a Elderink (pimentos recheados) e a pastelaria Flor de Aveiro venceram na categoria “Produtos Transformados” e na “Produção Primária” os galardoados foram a Ovivárzea (arroz carolino) e Pepe Aromas (figos-da-índia).
Já a menção honrosa de “Inovação” foi para ALGAplus (macroalgas) e a de “Produção Primária” foi entregue à Cooperativa A Lavoura de Paços de Ferreira (criação de porco bísaro).
Em declarações à Lusa, o administrador do Intermarché, Vasco Simões, disse que estes prémios pretendem «levar aos clientes e pontos de venda o melhor que a produção nacional tem e faz no nosso país» e acrescentou que, hoje em dia, os clientes «valorizam bastante os produtos regionais».
Durante a iniciativa foi também debatido o tema “Agricultura Nacional: exportação e revitalização da economia local”. O painel de convidados contou com a presença do secretário de Estado da agricultura e alimentação, Luís Medeiros Vieira, e com representantes da Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED), Cooperativa Agrícola de Citricultores do Algarve (CACIAL) e do grupo Intermarché.
A directora-geral da APED, Ana Trigo Morais, destacou a maturidade que existe nas relações entre a produção e distribuição, bem como a modernização da agricultura portuguesa. «É um debate que vem evidenciar a maturidade que existe nas relações entre a produção nacional e a distribuição em Portugal, assistimos aqui a um conjunto de exemplos de produtos muito inovadores que revelam que nós já temos uma agricultura muito modernizada», disse à Lusa.
Já o presidente da CAP, Eduardo Oliveira e Sousa, evidenciou o papel do consumidor, que está mais atento aos produtos que adquire. «Hoje em dia o consumidor está mais informado, está mais atento e reconhece onde está a qualidade dos produtos», vincou.
O escoamento dos produtos vencedores do prémio ‘Intermarché Produção Nacional’, será assegurado pelas lojas do grupo comercial, bem como, sempre que se justifique, nos pontos de venda em França, Bélgica e Polónia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close