Clubes têm de apresentar projectos até ao final de Maio

SONY DSC

No âmbito de um programa de financiamento da Federação Portuguesa de Futebol às associações distritais, os clubes de Futebol e de Futsal têm que apresentar candidaturas a projectos até ao final do mês de Maio. No distrito ainda não existem candidaturas de clubes junto da Associação de Futebol da Guarda mas o TB sabe que algumas colectividades se preparam para apresentar projectos relacionados com a instalação de relvados sintéticos e alteração dos pisos de pavilhões.

Até ao final de Maio, os clubes de Futebol e de Futsal deverão, caso o entendam, apresentar candidaturas a projectos que queiram ver concretizados, de valor não inferior a 5 mil euros e não superiores a 180 mil euros.
A medida surge no âmbito de um programa de financiamento da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) às associações distritais (22 a nível nacional) e aos clubes filiados.
Recorde-se que a FPF anunciou no final do ano passado que vai financiar, em 2016, projectos apresentados pelos seus sócios ordinários e por clubes das competições não profissionais para a melhoria de infra-estruturas desportivas e equipamentos.
Contactado pelo TB, o presidente da Associação de Futebol da Guarda, Amadeu Poço referiu que «ainda não existem candidaturas concretas», acrescentando ainda que «os clubes têm até ao final do mês para apresentar projectos». Apesar de não deixar de considerar a medida da FPF interessante, Amadeu Poço considera que «bastava que cada associação apresentasse um projecto de 180 mil euros para que o total da verba apresentada pela FPF, que é de 3 milhões e 200 mil euros não chegasse para fazer face a todos os projectos».
O dirigente adiantou ainda que para já não há candidaturas concretas mas este semanário sabe que há clubes que pretendem instalar campos de relva sintética e outros que querem alterar os pisos dos respectivos pavilhões, casos do Casal de Cinza e do Sporting de Vilar Formoso. Já o Desportivo de Gouveia, o Centro Cultural Desportivo e Recreativo de Vila Cortez do Mondego, o NDS e as Escolas Carlos Franco podem apresentar projectos para a criação de relvados sintéticos.
A comparticipação em cada projecto aprovado será de 90 por cento do valor do mesmo (podendo chegar aos 95 por cento em casos excepcionais), num montante mínimo de 5 mil euros e máximo de 180 mil. A verba total a distribuir no âmbito deste concurso é resultante da venda da antiga sede federativa, na Praça da Alegria.
O prazo para apresentação das candidaturas decorre até 31 de Maio, uma vez que o prazo foi alargado por mais 30 dias. Os resultados das avaliações a cada candidatura serão conhecidos 30 após a data de encerramento do concurso.
As principais prioridades destes incentivos são o desenvolvimento do futebol de formação e respectivos valores sociais, educativos e culturais, o desenvolvimento do futebol de base praticado de modo informal e as infra-estruturas para a prática do futebol.

Estatutos e anúncio da recandidatura
O sócios da AFG foram chamados ontem para uma Assembleia-geral, onde um dos pontos da ordem de trabalhos seria a aprovação dos novos estatutos. Só após o veredicto dos associados é que o actual presidnete da direcção, Amadeu Poço, deverá anunciar se é candidato ou não às eleições marcadas para o próximo mês de Julho. Se Amadeu Poço avançar e vencer vai cumprir o 4º mandato de 4 anos à frente do organismo que gere o futebol distrital. O dirigente já disse aos jornalistas que enquanto sentir forças para continuar, a candidatura será sempre uma forte possibilidade.
Á data do fecho desta edição ainda não é conhecido o resultado da votação aos novos estatutos.
O objectivo é adequar e adaptar os estatutos da AFG aos estatutos da FPF ao abrigo da Nova Lei de Bases do Sistema Desportivo.
Há uns anos, a AFG foi a primeira associação do país a adequar os estatutos e, desta vez, fonte próxima informou que vai estar novamente na linha da frente. Apesar de haver uma proximidade com os estatutos da FPF, os da AFG serão independentes, embora com pontos em comum.

Faustino Caldeira
fcaldeira@gmpress.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close