Costa anuncia restrições previstas para o Natal e passagem de ano

O primeiro-ministro anuncia que vai haver menos restrições nos dias 24 e 25 de Dezembro e 1 de Janeiro. Vai ser permitida a circulação entre concelhos de 23 a 26 e na via pública até às 2 da manhã a 24 e 25 de Dezembro. No Ano Novo não será possível circular entre concelhos. Os restaurantes vão poder estar abertos até à 01:00 nas noites de 24 e 25 de Sezembro e de 31 de Dezembro e funcionar até às 15:30 nos dias 26 e 1 de Janeiro. As medidas poderão ser revistas no próximo dia 18.

A indicação destes horários foi feita hoje pelo primeiro-ministro, António Costa, depois do Conselho de Ministros que adotou as medidas a serem observadas no âmbito da renovação do estado de emergência que vigora até às 23:59 de 23 de dezembro e na quadra natalícia.

Os horários da restauração que o Governo definiu para o período de Natal e da passagem de ano serão uma exceção face aos que terão de ser observados nestes próximos dois fins de semana em que a ordem de encerramento continuará a ser às 13:00 nos concelhos com risco extremo e muito elevado.

O Presidente da República decretou esta sexta-feira a renovação do estado de emergência em Portugal por mais 15 dias, até às 23:59 de 23 de dezembro, para permitir medidas de contenção da epidemia de covid-19.

O actual estado de emergência teve início no dia 24 de Novembro e termina às 23:59 da próxima terça-feira, 08 de Dezembro. Esta renovação tem efeitos a partir das 00:00 de quarta-feira, 09 de Dezembro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close