Cresce o descontentamento em relação à CIM Beiras e Serra da Estrela 

Crescem as críticas ao actual mapa da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIM-BSE), que envolve 15 municípios dos distritos de Castelo Branco e da Guarda. Esta manhã, o presidente da Câmara Municipal de Figueira de Castelo Rodrigo, Carlos Condesso, defendeu que é necessário haver “uma estratégia colectiva para a CIM-BSE, que também passe pelos Territórios do Douro e concretamente pelos concelhos de Figueira de Castelo Rodrigo e de Mêda”. O autarca, que falava na abertura da Assembleia da CIM-BSE, que decorre em Figueira de Castelo Rodrigo, acrescentou que está convencido que «se fosse feito um referendo à população do concelho, grande parte responderia que gostaria de pertencer à CIM do Douro e também à CCDR [Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional] do Norte porque têm mais ligação a esta zona do que à Serra da Estrela».

Também o deputado socialista Cláudio Rebelo, da Mêda, afirmou que não se identificava com a CIM-BSE, defendendo a necessidade de ser realizado «um debate sério e pensar numa nova reorganização».  Crítico foi igualmente o deputado Rui Ribeiro, da Guarda, que chegou a considerar que a CIM «é hoje uma instituição opaca» e «o cidadão não conhece a CIM e nem sabe o que faz». Numa reacção às críticas, o presidente da CIM-BSE, Luís Tadeu, reconheceu que «há uma falta de comunicação que é necessário suprir» e sustentou que deve haver empenhamento na defesa do território e «desenvolver os planos e os projectos para alavancar esta região».

As hostilidades em relação à CIM-BSE já tinham começado em Outubro do ano passado pelo autarca da Covilhã, Vítor Pereira, que anunciou que iria «pugnar» para que os municípios da Cova da Beira (Belmonte, Covilhã e Fundão) seja desagregada daquela CIM e passe a integrar a CIM da Beira Baixa. Confrontado em Janeiro sobre este assunto, o presidente da CIM-BSE referiu que a posição tornada pública pelo autarca da Covilhã «é um não assunto» tanto para ele como para a própria CIM.

A CIM-BSE é constituída por 15 municípios, sendo 12 do distrito da Guarda (Almeida, Celorico da Beira, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Guarda, Gouveia, Manteigas, Meda, Pinhel, Seia, Sabugal e Trancoso) e três do distrito de Castelo Branco (Belmonte, Covilhã e Fundão). A CIMBB integra os municípios de Castelo Branco, de Idanha-a-Nova, de Oleiros, de Penamacor, de Proença-a-Nova e de Vila Velha de Ródão.

PUB

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close