Dança, música, feira e artesanato nos santos populares da Guarda

As marchas populares são o «momento alto» da programação dos “Santos do Bairro”, iniciativa que a Câmara da Guarda promove pelo quarto ano consecutivo, nos santos populares, e que tem como objectivo o envolvimento dos bairros na animação da cidade. Insere-se também na estratégica da autarquia de «aumentar o poder de atracção e de estimular a economia local», como reforçou o presidente, Álvaro Amaro.
As marchas vão envolver a participação de cinco bairros, que participam num concurso, e de duas marchas convidadas, concretamente Alfama (Lisboa) e Barqueiro (Taveiro, Coimbra), num total de 285 pessoas, sendo 175 locais.
«Uma mancha humana muito significativa que vai dar um colorido imenso nesse grande momento», salientou o vereador da Cultura, Victor Amaral, esta Segunda-feira na apresentação do programa de animação, adiantando outra das inovações. «Será à noite. O ano passado fizemos durante o dia e portanto a marcha concretizada ao fim do dia e à noite terá outro brilho em relação ao visual, e à luz e à música», disse.
O primeiro classificado no concurso das marchas, no qual participam Alfarazes, Bairro da Luz, Póvoa do Mileu, São Vicente e o Bairro do Pinheiro, recebe mil euros, o segundo 500 euros e o terceiro 300 euros.
Nos “Santos do Bairro” deste ano participam Bonfim (dia 14), São Vicente (dia 15), Bairro do Pinheiro (dia 16), Bairro da Luz (dia 18), Póvoa do Mileu (dia 21) e Alfarazes (dia 22).
Todos os bairros têm no seu programa o tradicional bailarico popular e os comes e bebes tradicionais desta época, tais como a tradicional sardinha assada, os pimentos, o caldo verde e o tradicional caldo de grão da Guarda.
Victor Amaral destacou, tal como fez no ano passado, as «dinâmicas associativas dos bairros» e considerou que «as associações são activos preponderantes para que esta iniciativa tenha o envolvimento e tenha o sucesso que tem vindo a ter».
Também Ana Isabel Baptista, vereadora da Acção Social, se referiu à importância do envolvimento das associações e instituições sociais nas actividades da autarquia, as quais têm tido um papel «extremamente activo», e apelou a que o continuem a fazer.
Do programa consta também a Feira Anual de São João que em 2017 se realizará, a 24 de Junho, a partir da envolvente do Jardim José de Lemos, prolongando-se depois ao longo da Rua Vasco Borges, Rua Batalha Reis e da Rua Soeiro Viegas até à Escola Básica de Santa Clara.
Um percurso «unânime», afirmou Sérgio Costa, que agradeceu à Associação de Feirantes que «muito contribuiu para essa negociação, juntamente com os técnicos do Município, mas também com os bombeiros voluntários da Guarda, porque é necessário acautelar o socorro à população, bem como à Polícia de Segurança Pública, no que diz respeito à segurança rodoviária e não só».
De salientar ainda a Festa de Encerramento, nos dias 24 e 25 de Junho, a ter lugar, como habitualmente, na Praça do Município, e que contará com gastronomia variada, música de raiz tradicional, artesanato e muita animação.
Ao todo vão estar «25 stands de artesanato com outros quatro stands de compotas, licores, doces. Portanto, no fundo é também uma montra daquilo que de mais genuíno se faz no nosso contexto e os santos populares acabam também por reforçar essa visibilidade dos nossos produtos», sublinhou Victor Amaral.
As marchas populares saem à rua a 24 de Junho, dia que termina com um baile com os Tokadançar.
No dia seguinte será a vez de escolher a “Boneca de cristal”. Sete bairros vão disputar o primeiro lugar, que vale 1200 euros, designadamente Alfarazes, Bairro da Luz, Póvoa do Mileu, São Vicente, Sequeira, Bonfim e o Bairro do Pinheiro.
A festa termina com a queima da boneca na tradicional fogueira dos santos populares, seguida da actuação do grupo Spirit e da Banda Jackpot.
GM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close