Eva Grancho, aluna do Conservatório de Música da Guarda, vence concursos internacionais de música

A despedida de Eva Grancho do Conservatório de Música de São José da Guarda ficou marcada com a vitória em três prémios internacionais: International Competition Stelele Romaniei (Bucareste – Roménia), no IV escalão de idade na categoria “Instrument”, realizada on-line dentro de Gold Europe Festivals, Concurso Internacional Melodies de Paris (França), em Junho, e The International Online Festival – Contest Musicalada Fest (Espanha), dia 3 do corrente, e uma menção honrosa no VI Concurso Nacional de Cordas Vasco Barbosa, em Maio.

«Estes prémios são o culminar de muitos anos de trabalho. Foi um longo percurso, foram oito anos, e foi um trabalho em conjunto com a minha professora, Olena Sokolovska, e para mim significam imenso», reage a jovem finalista em declarações ao Jornal Terras da Beira, evidenciando o facto de ter sido um «júri desconhecido, estrangeiro» a dar «valor ao nível alto em que me formei». «Gostaram do trabalho que eu fiz», sublinha com orgulho.

Dos vários prémios que venceu ao longo dos anos, Eva Grancho coloca no topo da lista o “Grand Prize Virtuoso” Internacional Music Competition 2017, em Viena, onde obteve o segundo lugar na categoria “intermediate”. Tinha 13 anos.

Nesse concurso mais dois alunos do Conservatório da Guarda estiveram em destaque: Gonçalo Maia Caetano e Ana Margarida Lamelas, que obtiveram igualmente o 2º prémio. Gonçalo Maia na edição de Salzburgo e Ana Margarida na de Viena, na categoria “advanced”.

Na altura, em declarações ao TB, Eva Grancho confidenciou estar «à espera de conseguir» este prémio. «O participar neste concurso foi para ter a certeza de que o meu trabalho e o meu esforço estavam dentro dos parâmetros nacionais e internacionais do meu nível académico», disse então, adiantando que os seus planos musicais eram «continuar a trabalhar com a mesma exigência e dedicação como até agora».

Eva Grancho concluiu este ano o curso de Música no Conservatório de Música de São José da Guarda, mas o percurso não termina por aqui. «Pretendo continuar com o curso de Música», afirma, relevando já ter concorrido para a Escola Superior de Música de Lisboa. «Posso dizer que já estou na lista de seriação com uma boa nota e pretendo seguir esta paixão que tenho pela música e pela viola, e que venham mais experiências, é o que espero» deseja a jovem música. (Foto: DR)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close