GNR reforça patrulhamento até 2 de Janeiro no âmbito da operação “Natal e Ano Novo 2021”

A Guarda Nacional Republicana (GNR) vai intensificar o patrulhamento rodoviário no país até 2 de Janeiro nas vias de maior tráfego no âmbito da operação “Natal e Ano Novo 2021”. A GNR vai também ter atenção ao cumprimento das medidas sanitárias decretadas para o estado de calamidade e sensibilizar as pessoas para a segurança das suas habitações, caso se ausentem.

Durante a operação, que já começou na Segunda-feira com acções de sensibilização, a GNR vai reforçar o patrulhamento de forma a garantir as deslocações durante as festividades em segurança, contribuindo ainda para o cumprimento das medidas necessárias à contenção da covid-19, em todo o território nacional, adianta a GNR em comunicado.

A operação visa combater a criminalidade e intensificar o patrulhamento rodoviário nas vias de maior tráfego, e de sua responsabilidade, durante este período. A GNR «terá em conta o maior fluxo rodoviário nos trajetos dos locais de residência habitual dos cidadãos para os locais de festividades associadas às comemorações do Natal e do Ano Novo, bem como adotará mecanismos de prevenção e sensibilização à população, para evitar a ocorrência de furtos no interior de residência e estabelecimentos durante este período em que as pessoas se ausentam das suas casas».

Segundo a GNR, a operação visa ainda garantir o cumprimento dos normativos decretados na situação de calamidade e sensibilizar a população para que se abstenha de acções, atitudes e comportamentos que poderão, de alguma forma, potenciar a propagação do vírus, através de uma presença dissuasora, interventiva e preventiva.

A GNR alerta que as pessoas devem abster-se de acções, atitudes e comportamentos que poderão potenciar a propagação da covid-19, devendo seguir e garantir o cumprimento das orientações das autoridades de saúde.

No âmbito da prevenção e sensibilização, antes das festividades de Natal e Ano Novo aconselha as pessoas que vão ausentar-se por vários dias a informar a autoridade policial da sua zona de residência, para que se consiga orientar o patrulhamento para estes locais.

Verificar se o alarme em casa ou no estabelecimento está devidamente ligado, não deixar portas e janelas abertas, não deixar escritos ou sinais na porta, nas janelas ou caixas de correio que indiquem a ausência e não deixar acumular correspondência são outras recomendações da GNR.

Ainda sobre o combate à sinistralidade rodoviária, a GNR estará atenta aos comportamentos de risco dos condutores, nomeadamente o excesso de velocidade, as manobras perigosas, a correta sinalização e execução de manobras de ultrapassagem, de mudança de direcção e de cedência de passagem, a utilização indevida do telemóvel, à circulação correta na via mais à direita em auto-estradas e itinerários principais e complementares, bem como à incorrecta ou à não utilização do cinto de segurança e/ou dos sistemas de retenção para crianças.

Para que os condutores que tenham de deslocar-se, a GNR aconselha a que adequem a velocidade às condições meteorológicas, ao estado da via e ao volume de tráfego rodoviário, mantenham a calma em situações de elevada intensidade de tráfego, que possam obrigar à circulação a baixa velocidade e evitem manobras que possam resultar em embaraço para o trânsito ou contribuir para a ocorrência de acidentes.

<foto>Arquivo TB

<leg>

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close