GNR resgata 25 cães vítimas de maus-tratos em Seia

A GNR anunciou hoje que resgatou 25 cães e constituiu arguido um homem, de 58 anos, pelo crime de maus-tratos a animais de companhia, no concelho de Seia. O Comando Territorial da GNR da Guarda refere em comunicado que os animais foram resgatados durante uma acção realizada na terça-feira através do Núcleo de Investigação de Crimes e Contra-ordenações Ambientais (NICCOA) e do Núcleo de Protecção Ambiental (NPA) de Gouveia.

«No âmbito de uma investigação por maus-tratos a animais de companhia, os militares deram cumprimento a um mandado de busca domiciliária onde se depararam com um cenário de sobrepopulação de cães, sem condições de higiene, onde era visível a falta de trato dos animais», lê-se na nota.

A fonte acrescenta que no seguimento das diligências policiais, «foram resgatados 25 cães, todos sem identificação electrónica, sem registo e sem vacinação anti-rábica».

Os animais, que o proprietário acolhia no interior da sua habitação, foram entregues ao Veterinário Municipal de Seia, que colaborou na acção, segundo a GNR. O homem foi constituído arguido e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Seia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close