Há casos activos de covid-19 em todos os concelhos da área da ULS da Guarda

Os dados do relatório de situação de ontem da Unidade Local de Saúde da Guarda indicam que há casos activos de covid-19 em todos os 13 concelhos da região, num total de 810 infectados. O número mais expressivo é o que se regista no concelho da Guarda com 492 casos activos, mas 81 do que na passada quinta-feira, dia 29, quando tinha sido feita a última actualização da situação epidemiológica.

Nesse dia não havia casos activos no concelho de Almeida, em Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Manteigas, Meda, Sabugal. Agora, todos estes concelhos registam casos novos. Depois do concelho da Guarda, é Pinhel que continua com mais casos activos (66). O concelho de Seia foi dos que registou maior aumento de casos activos nos últimos dias. De 15 casos que registava na semana passada passou para 57. A subida fica a dever-se a um surto registado numa estrutura residencial para idosos no Sabugueiro. Como confirma a autarquia estão infectados 21 utentes e 6 trabalhadores na Associação de Beneficência do Sabugueiro. Há ainda outro foco de infecção no Centro Paroquial de Seia, que determinou, esta terça-feira, o encerramento da creche e jardim de infância.

O relatório indica também que o número de mortes aumentou para 34, mais quatro nos últimos dias. Faleceram 2 pessoas no concelho da Guarda, uma no concelho de Pinhel e outra em Trancoso, a primeira vítima da pandemia naquele concelho.

Esta terça-feira estavam internados 42 doentes, 6 deles na Unidade de Cuidados Intensivos. Havia 769 casos acompanhados no domicílio e 625 pessoas consideradas recuperadas. Desde o início da pandemia, os concelhos abrangidos pela ULS da Guarda registam um acumulado de 1469 casos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *