Governo deu parecer favorável ao decreto do PR para renovar estado de emergência

O Conselho de Ministros, reunido electronicamente, deu hoje parecer favorável ao decreto presidencial que propõe a renovação do estado de emergência, de oito a 15 de Janeiro, adiantou fonte oficial à agência Lusa.

No primeiro debate para as presidenciais, no sábado, Marcelo Rebelo de Sousa anunciou que pretendia renovar o estado de emergência com “o mesmo regime” por oito dias e não pelas habituais duas semanas, alegando que não há dados suficientes relativamente ao período natalício.

De acordo com a mesma fonte do executivo, as eventuais medidas para este novo período só serão decididas na quinta-feira, na habitual reunião semanal do Conselho de Ministros.

O Presidente da República esteve na segunda-feira a fazer uma ronda de audiências com os partidos com representação parlamentar sobre esta renovação.

Na quarta-feira o parlamento debate este pedido de autorização da renovação do estado de emergência, que vigora actualmente até dia sete, quinta-feira.

No domingo, também num debate para as presidenciais, Marcelo Rebelo de Sousa admitiu estar “preocupado” com a evolução da pandemia em Portugal, dizendo ter a sensação que houve algum “laxismo” na época festiva que pode conduzir a um “galopar” dos números.

vigora actualmente até 7 de Janeiro, com recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado.

Com aprovação garantida pelos dois maiores partidos, PSD e PS, esta será a oitava vez que é decretado o estado de emergência desde março.

Em 17 de Dezembro, a Assembleia da República renovou, com os votos favoráveis de PS, PSD e da deputada não inscrita Cristina Rodrigues, o estado de emergência para permitir medidas de contenção da covid-19. Votaram contra PCP, PEV, Chega, Iniciativa Liberal e a deputada Joacine Katar Moreira. Abstiveram-se Bloco de Esquerda, PAN e CDS-PP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close