Nova intervenção da Rua do Comércio

A Rua do Comércio, da Guarda, não vai ter nenhuma estrutura de policarbonato compacto, como estava inicialmente previsto, mas uma ilu-minação com tubos colocados horizontalmente, em várias direcções, dando a sensção de haver um tecto. A adjudicação do concurso público deste projecto, orçado em 114 mil euros (mais IVA), foi aprovada na última reunião, com a abstenção dos dois vereadores do PS, Joaquim Carreira e Graça Cabral, por considerarem que aquela rua não precisa de intervenção, uma vez que foi requalificada há dez anos.
Solicitado a dar mais pomenores sobre o projecto, o presidente da Câmara, Álvaro Amaro, adiantou apenas que vão ser colocados separadores entre a parte central e a lateral para facilitar andar a pé, com luz e bancos. Álvaro Amaro salienta que esta intervenção visa fazer com que «apeteça cada vez mais ir à Rua do Comércio». Quanto à possibilidade de voltar a ter trânsito automóvel, o autarca respondeu que, por en-quanto, nada se alterará. O autarca adiantou que a obra terá de estar concluída no final do próximo mês de Junho.
De recordar que em Dezembro, a autarquia decidiu revogar a decisão de adjudicar a um empresa de Bragança a intervenção que previa a colocação de uma cobertura na Rua do Comércio. Álvaro Amaro justificou, na altura, que a empresa vencedora, a Bricantel, colocou «dúvidas e incertezas» quanto à exequibilidade do projecto e foi decidido não dar seguimento até tendo em conta o tempo que restava até ao fim do mandato.
De acordo com o relatório apresentado ao executivo, a empresa colocou questões que não estavam bem explícitas no projecto nomeadamente ao nível do comportamento da estru-tura, da drenagem, das fundações e mecanismos de estabilidade, bem como da segurança dos pilares.
Estava previsto que a rua fosse parcialmente coberta por uma estrutura de policarbonato compacto (transparente)., que teria iluminação com cambiantes. A parte pedonal estaria tapada a 80 a 90 por cento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close