Nove municípios que ficaram sem barragens têm 13,5 ME para água e saneamento

O ministro do Ambiente anunciou Sexta-feira um financiamento de 13,5 milhões de euros destinado a obras nas redes de abastecimento de água e saneamento em nove municípios, onde não avançou a construção de barragens. João Pedro Matos Fernandes, que falava em Mondim de Basto, distrito de Vila Real, disse que 7 de Abril «é um dia honrado» para o Ministério do Ambiente e para nove municípios do Centro e Norte do país, de zonas onde estava prevista a construção, respectivamente, das barragens de Girabolhos e do Fridão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close