Número de casos na ULS da Guarda mantém-se nos 220, mas há mais um óbito

A pandemia de covid-19 fez mais uma vítima na área da Unidade Local de Saúde da Guarda, elevando para 15 o número de óbitos. Registou-se no concelho de Vila Nova de Foz Côa que passa a somar 8 falecimentos. Este é o concelho com maior número de casos acumulados (92) e também com o maior número de óbitos. De acordo com o relatório de situação da ULS da Guarda, enviado aos municípios, nas últimas 24 horas manteve-se o número de casos nos 220 e o número de doentes recuperados aumentou para 118. Ontem havia 99 recuperados. O número de internados diminuiu para 15, menos dois do que ontem, mantendo-se um doente em Unidade de Cuidados Intensivos. Há 76 casos em acompanhamento no domicílio.
Dos 13 concelhos abrangidos pela ULS da Guarda, só Meda e Sabugal é que ainda não registam casos de infecção por coronavírus. No concelho de Almeida há 6 casos acumulados, no concelho de Celorico da Beira há registo de 8, no concelho de Figueira de Castelo Rodrigo estão registados 2, no concelho de Fornos de Algodres há 3 confirmados, no concelho de Gouveia há registo de 23 casos e 5 óbitos, no concelho da Guarda 18, no concelho de Manteigas há registo de 7 casos, no concelho de Pinhel somam-se 28 e 1 óbito, no concelho de Seia há 11 e 1 óbito e no concelho de Trancoso 22 casos. A ULS ressalva no relatório de situação que existem casos reportados que actualmente residem fora dos concelhos da região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close