Número de dormidas nos territórios do Interior aumentou 1,4 milhões

O número de dormidas nos territórios do Interior cresceu 1,4 milhões entre 2016 e 2017 e Portugal criou 514 novas ligações e rotas aéreas para novos mercados, afirmou hoje a secretária de Estado do Turismo.
«Em 2016 e 2017, o número de dormidas nos territórios do Interior cresceu 1,4 milhões, o que é muito significativo. Claro que ainda há imenso para fazer. O que tem mudado o país é isto. São projectos concretos que estão a acontecer e que estão a abrir o mapa turístico de Portugal. Basta pensar nos mais de 400 projectos turísticos aprovados no âmbito do Valorizar», afirmou Ana Mendes Godinho.
A governante falava à margem da cerimónia de apresentação do novo roteiro turístico “Cultura Sobre Carris”, uma parceria estabelecida entre a Câmara de Castelo Branco e a CP – Comboios de Portugal. O programa “Valorizar” foi criado pelo Governo para acelerar e incentivar o desenvolvimento turístico no Interior do país. «Não queremos um turismo de massas. O que queremos, cada vez mais, é um turismo que deixa valor no território, que acrescente valor. É também uma forma de dar visibilidade a estes territórios [interior] para investir, para viver, para trabalhar», frisou.
Ana Mendes Godinho divulgou ainda que o crescimento e a capacidade de afirmação de Portugal como destino turístico estão expressos nas 514 novas ligações e rotas aéreas para mercados como o asiático ou o americano. «São novos mercados, para todo o ano. Nos últimos três anos o crescimento das receitas turísticas foi de 45%. Somos o país europeu com o crescimento mais acentuado», sublinhou.
O turismo sustentável, ao longo de todo o ano, é o grande objectivo traçado pelo Governo, explicou a secretária de Estado do Turismo. «Nos últimos três anos, em todo o país, 100 mil novas pessoas passaram a trabalhar no turismo. Pela curva do emprego no turismo, percebemos que deixamos de ter oscilações no Verão e no Inverno», concluiu.

Comentar

. logged in para comentar.

Artigos relacionados

SiteLock

Voltar para o topo

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close