Parlamento chumba eliminação de portagens na A23, A24, A25 e Via do Infante

O parlamento chumbou hoje os projectos de resolução do PCP, BE e PEV que recomendavam a eliminação das portagens nas autoestradas A23, A24 e A25 e também na A22, mais conhecida por Via do Infante, no Algarve. Os deputados votaram em simultâneo os três projectos de resolução pela abolição das portagens na Via do Infante, do PCP, BE e PEV, tendo as propostas sido chumbadas com os votos contra do PS e do deputado não inscrito Paulo Trigo Pereira, a abstenção do PSD e do CDS-PP e os votos favoráveis dos proponentes, do PAN e de nove deputados socialistas, entre os quais a porta-voz do partido, Maria Antónia Almeida Santos.
Os também socialistas Luís Graça, Jamila Madeira, Fernando Anastácio e Ana Passos, todos eleitos pelo Algarve, anunciaram uma declaração de voto sobre a matéria.
Em relação à eliminação de portagens na A23, os projectos foram igualmente votados em conjunto, tendo sido rejeitados, com votos contra do PS e do deputado não inscrito Paulo Trigo Pereira, abstenção do PSD, CDS-PP e três deputados socialistas, e a favor do BE, PEV, PCP e 14 deputados do PS.
Edite Estrela, ex-dirigente socialista, e a ex-secretária de Estado Margarida Marques, votaram a favor da eliminação das portagens na A23, auto-estrada da Beira Interior, uma das vias de acessibilidade estruturantes e estratégica para toda a mobilidade nos distritos de Santarém, Portalegre, Castelo Branco e Guarda.
Também as propostas para abolição na A24 e na A25 foram rejeitadas, ao merecerem votos contra do PS e de Paulo Trigo Pereira, abstenção de PSD e CDS-PP e votos a favor de nove deputados do PS e restantes partidos.
O projecto de resolução do PCP que recomendava a eliminação das portagens na A28, A41/A42 e A29 foi chumbado com votos contra do PS e de Paulo Trigo Pereira, a abstenção do PSD e CDS-PP, a favor do proponente e dos restantes partidos. As deputadas socialistas Carla Sousa e Conceição Loureiro votaram a favor.
O projecto do PSD que recomendava ao Governo que desse cumprimento à resolução da Assembleia da República para estudo de uma alternativa ao “Pórtico do Estádio”, defendendo melhores interesses de Aveiro e acabando com uma grave injustiça para com os aveirenses foi aprovado, baixando à sexta comissão.
Foi igualmente aprovada, e baixou também à sexta comissão, o projecto de resolução do PSD que recomendava ao Governo a redução de portagens na denominada Autoestrada do Pinhal do Interior (troço da A13 entre o Entroncamento e Coimbra e A13.1 que liga a Condeixa).

Comentar

. logged in para comentar.

Artigos relacionados

SiteLock

Voltar para o topo

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close