PJ deteve suspeito de abuso sexual de criança em instituição social da Guarda

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um estudante de 22 anos pela alegada prática de um crime de abuso sexual de crianças, ocorrido «em contexto de internamento» numa instituição particular de solidariedade social da Guarda.

O Departamento de Investigação Criminal da PJ da Guarda refere em comunicado hoje enviado à comunicação social que identificou e deteve «o presumível autor da prática de um crime de abuso sexual de crianças, ocorrido em Maio do corrente ano, no interior de uma instituição de ensino particular da cidade da Guarda, onde o autor e a vítima coabitavam, em regime de internamento». A PJ adianta que a vítima é estudante e tem 12 anos.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, na sequência do qual foi submetido à medida de coação de prisão preventiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close