PJ deteve um homem por se recusar prestar declarações

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, identificou e deteve um homem pela prática de um crime de falsidade de testemunho, perícia, interpretação ou tradução, na modalidade de recusa de depoimento, no âmbito de uma investigação por tráfico de estupefacientes e que anteriormente havia já levado à detenção de três suspeitos, entretanto sujeitos à medida de coação de prisão preventiva.
O detido, com 47 anos de idade, foi, entretanto, presente a julgamento em processo sumário, tendo sido condenado na pena de dez meses de prisão, suspensa pelo período de um ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close