Presidente da Associação de Basquetebol da Guarda considera que «o ano de 2023 vai ser de grande exigência, com enormes desafios devido à conjuntura internacional ainda muito instável»

Os sócios da Associação de Basquetebol da Guarda aprovaram, por unanimidade, o Plano de Actividades e Orçamento para o ano 2023. O plano contempla cinco eixos de acção estratégica, que se focam essencialmente em apoiar os clubes em actividade e em iniciação da modalidade nos escalões de formação, sobretudo no minibasquete; formar quadros técnicos qualificados para permitir a entrada de novas equipas; melhorar desempenho das selecções regionais; organização de fases finais de alta competição para alavancar a modalidade; incentivar a adopção da prática juvenil do 3×3 e atrair novos talentos para a arbitragem de forma a garantir todos os jogos com árbitros.

O presidente da Associação de Basquetebol da Guarda, Tiago Nascimento referiu que «o ano de 2023 vai ser de grande exigência, com enormes desafios devido à conjuntura internacional ainda muito instável, mas poderá ser um ano de perspectivas positivas para o futuro do basquetebol do distrito da Guarda”.

A reunião também ficou marcada pela aprovação da filiação da Associação Desportiva Estrela de Almeida, que vai relançar a modalidade no concelho de Almeida. A ABGuarda passa a possuir 11 Clubes filiados, um marco considerado histórico para o basquetebol desta região do interior.

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close