Rota das Aldeias Históricas obtém selo de associação europeia de caminhada

A Grande Rota das Aldeias Históricas de Portugal (GR22) recebeu o selo “Leading Quality Trails – Best of Europe”, tornando-se na maior rota europeia com esta distinção. Segundo a Associação de Desenvolvimento Turístico – Aldeias Históricas de Portugal, com sede em Belmonte, no distrito de Castelo Branco, a rota GR22, que atravessa o território das Aldeias Históricas de Portugal, «foi reconhecida pela principal associação europeia de caminhada como uma das melhores rotas da Europa».
O selo “Leading Quality Trails – Best of Europe” foi atribuído na Quinta-feira, em Châtenois, França, pela European Ramblers Association (Associação Europeia de Caminhada). A certificação «destaca os melhores destinos de caminhada na Europa, através de critérios como a sustentabilidade, o nível de experiência proporcionado ao utilizador, a qualidade do seu traçado e a sua riqueza cultural e natural».
Com a distinção, «Portugal tem a maior rota europeia para caminhadas com selo “Leading Quality Trails – Best of Europe”», refere a associação das Aldeias Históricas de Portugal. O projecto, é referido, «está em linha com o compromisso de sustentabilidade e locomoção suave das Aldeias Históricas de Portugal, que, recentemente, receberam o certificado “Biosphere Destination” – o primeiro destino em rede, a nível mundial, e o primeiro a nível nacional a ganhar esta distinção». «Por outro lado, a atribuição do selo ‘Leading Quality Trails – Best of Europe’ é o reconhecimento da extensa oferta em História, cultura, património e natureza da GR22», lê-se.
A atribuição do selo é o culminar «de cerca de dois anos de trabalho na adequação da rota com os requisitos da certificação, nomeadamente no que se refere à sinalética interpretativa, informativa e de orientação», acrescenta.
Para a Associação de Desenvolvimento Turístico – Aldeias Históricas de Portugal a certificação «é uma excelente oportunidade para a internacionalização no mercado do Norte da Europa, uma vez que a European Ramblers Association tem génese na Alemanha, um dos principais mercados emissores no turismo activo para a área das caminhadas».
A GR22 liga as 12 Aldeias Históricas de Portugal em mais de 600 quilómetros de extensão, num percurso circular, que envolve alguns dos mais belos parques naturais e reservas classificadas como Património Mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). O percurso envolve cerca de 104 localidades e 20 municípios: os 10 que integram a rede (Almeida, Arganil, Belmonte, Celorico, Figueira de Castelo Rodrigo, Fundão, Idanha-a-Nova, Mêda, Sabugal e Trancoso) e ainda os municípios de Guarda, Castelo Branco, Covilhã, Fornos de Algodres, Gouveia, Manteigas, Pampilhosa da Serra, Penamacor, Pinhel e Seia.

Comentar

. logged in para comentar.

Artigos relacionados

SiteLock

Voltar para o topo

O website do Terras da Beira utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar está a consentir a utilização de cookies Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close